segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Capítulo 46


— Demi que bom que chegou, tenho uma surpresa para você. — Disse sorrindo. 
— Que surpresa? — Perguntou curiosa.
— Já vou falar, mas antes, tome um copo d'água para refrescar. — Disse lhe entregando um garrafa d'água.
— Obrigada. — Lhe entregou a garrafa após ter bebido metade da mesma. — E qual é a surpresa?
— Vem comigo. 
Wilmer a ajudou a levantar e a levou para o elevador, ele apertou a número dois. O andar onde Joe está internado, pensou Demi. Minutos depois Wilmer para enfrente à sala de Joe. 
— Você me trouxe aqui para ver o Joe internado, é Wilmer? — Perguntou irritada. Não era possível que ele havia a levado para lá só para ver Joe, que estava em coma, inconsciente. Ele sabia muito bem que Demi ainda sentia muita falta de Joe e que sempre que tocavam no nome do mesma, ela se derramava em lágrimas. 
— Mais foi por uma boa causa. 
— Will, você sabe que eu ainda não consigo entrar no quarto do Joe sem chorar, ainda mais grávida, por ser médico você deve saber que grávidas são emotivas. Eu não consigo, querido. Desculpe! 
— Bem, eu sei o que acontece quando você entra no quarto do Joe. E eu não lhe trouxe aqui para isto. Mas eu preciso te dizer uma coisa. Eu fiquei de plantão esta noite, eu estava na minha sala vendo prontuários de paciente, quando uma enfermeira me chamou dizendo que havia algo errado com o paciente Joseph. Eu rapidamente me levantei e fui ver o que estava acontecendo. Quando cheguei na sala Joe se contorcia, ainda de olhos fechados. Os batimentos cardíacos dele estava a mil. Eu não sabia o que fazer quando ele chamou seu nome.
— O quê? — Lágrimas escorriam de seus olhos. 
— Deixe-me terminar. — Demi assentiu. — Eu pus a mão no ombro dele e chamei o nome dele para ver se ele respondia. Ele começou a se acalmar e a repetir seu nome várias vezes. Eu gritei por ele e ele abriu os olhos, procurando desesperadamente por você. Eu pedi que ele se acalmasse. Dei um remédio para ele se acalmar e fiz alguns exames. Quando ele acordou conversamos um pouco. Demi, ele acordou e ele não tem sequelas alguma. Ele se lembra de tudo. Eu achava que quando ele acordasse, talvez por ter ficado muito tempo em coma, ele teria algumas sequelas como: perda de memória, perda de movimentos de algum membro do corpo, mas não. Ele não teve nada. — Sorriu. — O médico dele também fez alguns exames e perguntas hoje para ele e ele está ótimo. E desde a noite passada ele progrediu bastante. Se Joe continuar assim, daqui uma ou duas semanas já poderá ir embora.
— Você está falando sério, Wilmer?
— Eu nunca brincaria com você Demi, ainda mais grávida.
— Oh Meu Deus, eu posso ver ele?
— Pode, mas cuidado, lembre-se que fortes emoções fazem mal para o bebê.
— O.K. — Assentiu.
Wilmer abriu a porta e Demi entrou: — Qualquer coisa é só chamar. — Fechou a porta sorrindo.
Joe estava de olhos fechados, Demi pensou que ele estivesse dormindo, então, sem fazer barulho se aproximou da cama e se sentou na beirada da mesma. Joe se remexeu, mas não abriu os olhos. Nervosa, Demi pegou a mão de Joe e a acariciou. Jonas abriu os olhos e olhou para ela.
— Demi?
— Oh Meu Deus! Você acordou mesmo. — Disse chorando de alegria. Joe sorriu.
— Sua barriga...
— Esse é o fruto do nosso amor, querido. — Com um pouco de dificuldade Joe se sentou na cama e a olhou.
— É menino ou menina? — Perguntou curioso para saber mais do filho(a).
— Nosso pequeno Henry. — Disse entre lágrimas.
— Henry... — Repetiu para si mesmo. — Me beija?
Demi assentiu e encostou os lábios nos de Joe. Era um beijo calmo e apaixonado, suas línguas dançavam numa perfeita harmonia. Minutos depois Demi separou o beijo com selinhos molhados e encostou sua testa na de Joe sorrindo.
— Eu senti sua falta.
— Imagino. — A olhou. — Eu te amo.
— Eu também te amo.
Joe olhou para a barriga de Demi e depositou um beijo ali: — Papai te ama Henry.
Continua...
  
Esse foi o melhor capítulo que eu já escrevi desde que comecei o blog.
Esse capítulo foi muito fofo <3 Espero que tenham amado assim como eu amei.
Tenho que ir, beijos minhas gostosas, amo vocês <3
Ah, quase me esqueci, essa fic está na reta final.

6 comentários:

Iza Moraiis disse...

Awwwwwnnnn q lindooo

Roberta Cagnani disse...

Omg ! Vc ta demorando muito para postar ! Amo sua fic !

alessandrademi disse...

A que pena que está acabando...
Esse capítulo foi lindooo mesmo <3 <3 <3
Eu adorei tudoooo
Posta logoooo sua maravilhosa
Beijos

karol rodrigues disse...

postaaaaaaaaaaaaa

Anônimo disse...

Ount posta mais Clarinha ta muito lindo <3

Debora disse...

Nossa este cap está perfeito!!!Muito lindo mesmo.
Estou curiosa!Posta mais por favor.
Bju