quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Capítulo 35

— Bem, — Doutor Brad respirou fundo. — Ele está em estado de coma e pode demorar para acordar ou pode não acordar, as chances são mínimas, só se um milagre acontecesse. — Disse e Demi e Vanessa caíram no choro.
Agora a coisa ia ficar feia. Joe em coma e ainda por cima fala o nome de Demi. Por essa Lovato não esperava. Vanessa estava tão confusa quanto assustada. Ele não podia morrer. Não lhe dizer toda a verdade. E Demi. como ela ficava nessa história toda.
Todos já haviam ido embora do hospital, Demi e Vanessa foram para a casa de Vanessa. Demi estava na sala encarando o nada tentando conformar-se com o que havia acontecido, enquanto a amiga terminava seu banho. Lovato estava tão distraída que nem viu Vanessa se aproximar.    
— Demi? — Demi virou-se e deu de cara com Vanessa, que estava com uma expressão indecifrável. 
— Oi? — Ela disse meio sem jeito. 
— Me responde uma coisa? 
— Claro. 
— Por que o Joe disse o seu nome e não o meu? — Perguntou desapontada. 
— Ér... Não sei. — Mentiu. 
— Demi não mente para mim. Me conta a verdade. — Pediu
— Você que a verdade? — Perguntou e Vanessa assentiu. — A verdade é que... 
— Que? — Demi respirou fundo e tomou coragem. Estava na hora de acabar com aquela palhaçada de uma vez por todas.
— Que eu sou a amante do seu marido. — Disse cuspindo as palavras.
No momento em que Demi disse isso, ela só viu a mão de Vanessa voando em seu rosto. Vanessa deu tapa no rosto de Demi, fazendo-a cair no chão com a mão na bochecha em que ela bateu.   
— Me diz que isso é mentira? — Perguntou já começando a chorar.
— Não! Não é mentira, é a mais pura verdade. — Demi levantou-se e parou em frente á Vanessa encarando-a. — Eu sou a amante do seu marido. Conforme-se, ele ama à mim e não à você.
— SUA VADIA!
Dito isso, Vanessa deu um soco no rosto de Demi que caiu novamente no chão.
— Eu vou acabar com você. — Disse e subiu em cima de Demi, que estava no chão e começou a estapeá-la.
— PARA! — Gritou chorando desesperadamente.
— NÃO! Você me traiu, enquanto eu tentava descobrir quem era a vagabunda que roubou o meu marido de mim, você estava transando com ele. — Dá um soco nela. — Você que se dizia ser minha melhor amiga. — Dá outro soco nela. — Que nunca me magoaria. — Dá outro soco com muita força nela. 
— Para Vanessa. — Demi empurrou Vanessa, que caiu no chão.
Demi tentou-se levantar e ir embora antes que Vanessa fizesse algo que machucasse o bebê, mas estava muito machucada, dolorida e completamente sem força.
— Aonde você pensa que vai? — Vanessa chegou bem perto de Demi, que tentava se levantar e deu um chute com muita força na barriga da mesma.
— NÃO! — Gemeu, colocando as mãos na barriga.
Vanessa aproveitou o momento de fraqueza e distração de Demi e subiu as escadas correndo, entrou em seu quarto e foi em direção ao closet. Tirou o quadro da parede e abriu o cofre, tirando de lá uma arma.
— Você vai aprender a nunca mais á mexer no que é dos outros, Demetria! — Sorriu descendo as escadas. 
Continua...


Oi amores,
Tudo bem com vocês?
Eu estou ótima, também né depois do susto que eu dei na minha mãe kkkk'
Pra quem se importa comigo e quiser saber o que eu tinha eu vou dizer.
Eu estava com uma gripe fortíssima.
Foi o seguinte:
Eu estava muito mal, ai minha mãe me levou no médico terça, folga dela, eram cinco e meio quando eu acordei e cheguei no médico sete horas e quando fui atendida a médica disse que eu estava com suspeita de meningite, uma doença horrível, quem não sabe o que é pesquisa no google, voltando, a médica pediu um exame de sangue e um raio X. Ok, eu fiz os exames e dez horas eu fui pra casa, passei a tarde inteira de cama. O resultado saiu as seis horas, a médica ligou falando o resultado, na verdade, ela disse para minha mãe ir urgentemente para o hospital, minha mãe preocupada me levou no hospital, eram sete horas na noite, fiquei lá esperando ser atendida, quando me atenderam o médico disse que só uma gripe forte e não era suspeita de meningite, ai ele pediu um exame de sangue para ver o que a médica achou de tão grave no exame pra achar que era meningite. Nove horas eu fui tirar sangue lá mesmo, e o cara quase arrancou meu braço fora, ai uma hora depois saiu o resultado e o exame ótimo. Ai eu fui embora. No final das contas era só uma gripe, mas eu fiquei uma semana sem ir pra escola, pois não me aguentava em pé.
Mil desculpas pela demora gente, não acontecer de novo. É que eu estava doente :(
Bem, gente eu demorei um pouquinho a mais, porque eu estava escrevendo a sinopse e o prólogo na nova fic "Help me". Olha essa fic vai ser polêmica, e vocês vão ter que ser fortes, pois a Demi sofre bastante nessa fic.
É só isso, comentem muitoooo.
Beijos meus pandas.

4 comentários:

Daniele Ferreira (Beckham lovers) disse...

Ah Clarinha,você estava doente,não precisa se preocupar.Quando minha diabetes se descontrola é um horror para baixar,mas enfim...A Vanessa enlouqueceu ou oque?

Carol Gomes disse...

Ahh ameei, ainda bem q vc melhorou..
OMG a vanessa vai matar a Demi? O bebe.. Ai meu Deus.
Nova fic ebaa..
Amo sua fic vei, e vou amar essa nova..
Posta Logo
Xoxo

Maria Clara disse...

vanessa vadiaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
preciso de outro agora pfpfpfpfpfpf
ta muuuuito bom
espero que melhore (:
bjos :*
mariacampos.

Iza Moraiis disse...

Pooostaaas logoooo ta lindo