segunda-feira, 1 de julho de 2013

Capítulo 3 [Dedicado a Rebecca Gomez]


Demetria levantou a cabeça para poder olhar o dono daquela voz rouca. Ao olhar se surpreendeu.
— Você? — Perguntou surpresa.
— Por que a surpresa? — Perguntou sorrindo.
— Apenas não esperava te encontrar aqui Nicholas. — Disse sorrindo.
— Eu trabalho aqui. — Disse divertido. Demetria sorriu.
— Eu sei. — Demetria levantou-se. Acabando com a visão de Nicholas. Que era obviamente a de seus seios, por conta do decote.
— Aqui está. — Disse lhe entregando os papeis que havia pego do chão.
— Obrigada. — Agradeceu pegando. Nicholas olhou-a de cima á baixo.
— Está linda senhorita Lovato. — Sorriu. Demetria usava um vestido preto com detalhes dourados, o vestido era colado em seu corpo, e batia acima de sua coxa, e tinha um belo decote. Usava também um salto agulha de 15 cm preto. Seu cabelo estava solto, mas bem arrumado. A maquiagem que usava era simples, porém, lhe dava um toque de sofisticação. Estava magnífica aos olhos de quem a visse.
— Você também não está nada mal Nicholas. — Disse sorrindo enquanto arrumava a gola da blusa social de linho branco de Nicholas com a mão.
— Obrigado. Posso lhe fazer uma pergunta Demetria? — Perguntou enquanto tirava uma mecha do cabelo do rosto de Demetria com o polegar.
— Já está fazendo Nicholas. — Respondeu divertida. Nicholas gargalhou.
— Pra você é Nick, princesa. — Disse enquanto fazia carinho em sua bochecha com o polegar.
— Tudo bem Nick — Sorriu. — Não vai fazer sua pergunta?
— Oh, sim. Demetria você aceita sair para jantar comigo hoje á noite? — Nicholas colocou a outra mão livre na cintura de Demetria a trazendo mais para si. — Só eu e você.
— Jantar com você hoje á noite? ­— Demetria pôs sua bolsa e os papeis que carregava em cima do balcão que havia do seu lado. Colocou suas mãos, agora livres, no peitoral de Nicholas, agarrando a gola de seu terno preto da Armani, e puxando-o mais para si, ficando á centímetros de seu rosto. — Por que eu deveria aceitar?
— Por que eu posso surpreender-te. — Entrando no jogo de Demetria, Nicholas tirou a mão que estava no rosto de Demetria e colocou-a em sua cintura, puxando-a, ficando a centímetros de sua boca.
— Então me surpreenda. — Deu lhe um selinho. Nicholas sorriu.
— Passo pra te pegar as 19:00 em sua casa. — Tirou suas mãos da cintura de Demetria, afastando-se. — Esteja linda, mais do que já é. — Sussurrou em seu ouvindo, fazendo-a arrepiar-se.
— Estarei, não se preocupe. — Demetria pegou suas coisas em cima do balcão e saiu rebolando em direção a mesa de Selena á secretária.
 — Hoje á noite você será minha Demetria. Minha. — Nicholas mordeu o lábio inferior enquanto via Demetria sumir pelo corredor rebolando.
Demetria finalmente chegou á mesa de Selena, que estava vendo algo no computador, super concentrada. Lovato que nunca perde uma oportunidade. Não perdeu está é lógico. Chegou perto de Selena por trás da cadeira e colocou a mão no ombro de Gomez e disse bem perto de seu ouvido.  
— O que você está fazendo? — Selena deu um pulo e gritou. Demetria gargalhou
— AAAH. — Colocou a mão no peito e disse. — Que isso mulher? Quer me matar do coração?
— Desculpe-me não resisti. — Disse ainda rindo.
— Tudo bem. — Selena sentou-se novamente na cadeira. — Bem o que deseja?
— Primeiro, quero que entregue esse papeis á Joseph, Vanessa já os assinou. E depois, gostaria de saber se o Alex Bechet já foi embora? — Colocou os papeis em cima da mesa de Selena.
— Obrigada, Joseph acabara de me pedir esse papeis. E sobre o Alex, normalmente ele sai as 19:00, mas hoje ele saiu mais cedo, ele saiu as 15:00.
— Muito obrigada Selena, e desculpe-me pelo susto. — Sorriu.
— Ah, que isso, já estou acostumada Miley e Nicholas fazem isso o tempo todo. — Sorriu de volta.
— Que horas é agora Selena?
— Agora, faltam 10 minutos para as 16:00. — Respondeu olhando na tela do computador.
— Já está na minha hora. Até mais Selena.
Lovato seguiu rumo a sua casa e Selena foi até a sala de Joseph lhe entregar os papeis que o mesmo havia pedido.
Continua...


Oii brigadeiros,
Como já devem ter visto este capitulo é dedicado a Rebecca Gomez, que foi a única que comentou no outro post. Então, espero que goste do capítulo Becca, foi para você. Bom espero que estejam gostando da fic. Comentem o que estão achando dela ok?!
Gente eu quero dar um aviso á vocês é o seguinte. De sábado e de domingo eu não posso postar porque meus pais estão em casa e eles não sabem que eu escrevo esse blog. E talvez se eu tomar coragem eu vou dizer pra minha mãe que eu escrevo e vou poder postar de terça. Aí vocês me perguntam “ O que é que uma coisa tem haver com a outra?” é o seguinte de terça é a folga da minha mãe, é como se eu estivesse de castigo do blog. Eu não posso entrar porque minha mãe fica no computador dela, só que o PC dela é do lado do meu, tecnicamente da pra ela ver tudo o que eu faço. Então de terça eu não posso entrar. A não ser que eu conte para ela e ela me deixe escrever de boa. Outra coisa se eu conseguir eu vou postar de segunda, quarta, quinta e sexta. Um capítulo por dia ok?! (Se eu contar para minha mãe vou postar um capítulo de terça também)
Rebecca se você vê esse capítulo que eu dediquei a você me da uma luz menina, por favor me responda.
Como você contou pra sua mãe que você escreve esse blog e que escreve HOT? Ela não brigou com você? Sua mãe é do tipo brava? Ou leva tudo numa boa?
Eu tenho medo de contar pra minha mãe e ela brigar comigo e me mandar para de escrever no blog .Então, POR FAVOR ME AJUDA REBECCA. Até o próximo capítulo de amanhã se a Becca me responder hoje e me ajudar. Ou até quarta.
Beijos meus brigadeirinhos com granulado.

2 comentários:

Rebecca Gomes disse...

KKKKKKKKKKKKK Tô aqui \õ/
Vlw por dedicar o capitulo a mim :)
Minha mãe é a mistura dos dois. HEHEHE Mas não. Eu não contei a ela. Mas eu acho que ela tem uma ideia. Oh. Você tem que saber o limite da sua mãe. O da minha é bem pequeno, e por isso eu não contei. Mas como toda criança erra, ela pede desculpa e a mãe fala: Não faça de novo. E eu sei que é isso que ia acontecer(ou algo pior) se eu contasse. E eu não estou fazendo mais. E eu sei que vou ficar mais leve em relação a isso. E é disso que a coisa se trata. Você se sentir bem com o que faz. Olha. Vou lhe ser sincera. Dá para ter uma ideia de como é sua mãe e de como você não quer decepciona-la. Se você contar, vai decepcionar ela? A resposta que todas iriam responder é sim. Não. Eu não vou contar para minha mãe. É como se falasse para sua mãe: ''Mãe, eu joguei bola em casa e quebrou seu vaso.'' Ela brigaria com você, e depois falaria: ''Não faça novamente.'' E eu não vou mai fazer. Não preciso da minha mãe para ficar decepcionada ou brigar comigo por algo que eu já sei. Mas assim como eu sei disso, eu também sei que devo parar tanto em decepcionar ela quanto a mim.
Não. Você não precisa parar de escrever hot. Você só tem que desviar a atenção dela de uma coisa para outra. Ok, tem o hot; mas também tem outras coisas. Entende? Os comentários, por exemplo. Minha mãe sempre viu os comentários do meu blog, por que EU MOSTRAVA. Compense uma coisa com outra, desvie o foco, mas para desviar o foco, não precisa mudar a máquina. Entende? Faça isso até estar pronta para fazer o certo. Até estar pronta para fazer o que você sabe que deve ser feito para parar de noia hehe Eu já estou fazendo. Fiquei pronta. Cresci e percebi que agora o único ato de sexo que quero descrever e fazer, é real, com alguém que eu ame e que eu sinta o que eu já tanto descrevi. Fazer o diferente em algo igual. Mas a descrição, a descrição vai estar comigo, no meu coração. E nenhuma outra pessoa lerá como eu quero e como eu li.
Espero que isso tenha respondido u resposta.
Esteja pronta! Fique pronta! Cresça com a indecisa, duvida e medo. Apenas se sinta bem.
Eu também já tive essa dúvida, amor. ;) Já tive...

Anônimo disse...

d+
beijemi
xoxo